Retomada: 5 exposições imperdíveis em São Paulo para visitar até o fim do ano [23/10/2020]

5 exposições visitar em SP

Após mais de seis meses com os museus fechados, a cidade de São Paulo está, aos poucos, retomando as atividades presenciais. Com isso, exposições que foram interrompidas voltam a receber visitantes.

Museus como o MIS, Museu do Futebol, Pinacoteca, IMS e CCBB estão com mostras imperdíveis – e todas seguindo protocolos de segurança como uso de máscaras, capacidade de público reduzido e reserva de ingressos online.

JOHN LENNON EM NOVA YORK POR BOB GRUEN

John Lennon em Nova York por Bob Gruen ocupa os dois andares do Museu de Imagem e Som e revela, por meio de mais de 130 imagens selecionadas pelo próprio Bob Gruen, a vida do ex-Beatle. Além das 130 imagens, a mostra também apresenta uma seleção inédita de 40 fotos vintage que serão expostas em ampliações originais feitas pelo fotógrafo.

Data: 16 de outubro a 31 de janeiro de 2021
Endereço: MIS (Av. Europa, 158)
Horário de funcionamento: sextas, sábados e domingos, das 12h às 18h.

Observações: O MIS está seguindo todos os protocolos de segurança: aferição de temperatura na entrada, utilização de máscaras de proteção (obrigatório), distanciamento de dois metros entre as pessoas, respeito a capacidade máxima de cada sala e atenção às lixeiras específicas para descarte de máscaras e lenços.
Quanto: sábados e domingos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). Entrada gratuita às sextas-feiras e para crianças até cinco anos.

ARQUIVO PETER SCHEIER


A exposição “Arquivo Peter Scheier”, no IMS Paulista, é um mergulho nos trabalhos do fotógrafo, com destaque para as obras que saíram na “Revista Cruzeiro”, na década de 1940; seus registros sobre o nascimento de instituições como o Museu de Arte de São Paulo e a Bienal de São Paulo, nos anos 1950; bem como sua colaboração com arquitetos como Rino Levi e Lina Bo Bardi.

Data: de 13 de outubro a 8 de novembro de 2020
Endereço: Instituto Moreira Salles (Avenida Paulista, 2424)
Horário de funcionamento: as visitas serão reduzidas, com horário marcado e duração máxima de 2 horas

Observações: o local segue todos os protocolos de segurança: uso de máscara, medição de temperatura na entrada, distanciamento social e disponibilização de álcool em gel
Quanto: gratuito

EGITO ANTIGO: DO COTIDIANO À ETERNIDADE

A mostra reúne esculturas, pinturas, objetos, sarcófagos e até uma múmia, todas vindas do Museu Egípcio de Turim, o segundo maior acervo egípcio do mundo. São obras que tratam do cotidiano, religiosidade e costumes ligados à crença na eternidade.

Data: de 16 de outubro de 2020 a 3 de janeiro de 2021
Endereço: CCBB São Paulo (Rua Álvares Penteado, 112 – Centro Histórico)
Horário de funcionamento: todos os dias, das 9h às 17h, exceto às terças

Observações: a reabertura do CCBB SP segue um planejamento previamente desenvolvido, que contempla restrições e regras definidas com base em orientações das autoridades sanitárias para garantir maior segurança aos visitantes e funcionários.
Quanto: gratuita, com reserva de ingresso

100 ANOS DE SÓROR DOLOROSA

A nova exposição marca o centenário de Livro de horas de Sóror Dolorosa: a que morreu de amor (1920), de Guilherme de Almeida. O público pode conhecer a repercussão, na época, do lançamento da obra de poemas sobre os conflitos entre a adoração religiosa e a ligação carnal por meio da personagem de uma monja que sofre uma desilusão por um relacionamento.

Data: de 14 de outubro a 15 de dezembro
Endereço: Casa Guilherme de Almeida (R. Macapá, 187 – Perdizes)
Horário de funcionamento: de quarta a sábado, das 12h às 16h

Observações: Para visitar a casa-museu, é preciso agendar online através do site, e o local só recebe quatro visitantes por hora. Além disso, a casa está seguindo todos os protocolos de segurança, como uso de máscara, distanciamento social e higienização.
Quanto: gratuito

OSGEMEOS: SEGREDOS
Para a mostra na Pinacoteca, o duo apresenta pinturas, instalações imersivas e sonoras, esculturas, intervenções site specific, desenhos e cadernos de anotações. Esses últimos, da fase ainda adolescente e apresentados ao público pela primeira vez, antecedem os famosos personagens amarelos, abrindo caminho para a compreensão da raiz de seu surgimento.

Data: 15 de outubro de 2020 a 22 de fevereiro de 2021
Endereço: Pinacoteca (Praça da Luz, 2 – Luz)
Horário de funcionamento: de quarta a segunda, das 14h às 20h

Observações: é necessário reservar sua visita pelo site do museu com antecedência, pois não há bilheteria no local. Além disso, o local segue os protocolos de segurança.
Quanto: R$ 25 apenas pelo site da Pinacoteca (www.pinacoteca.org.br) – meia entrada R$ 12,50.