Oportunidades profissionais e cursos em alta durante o Dia dos Namorados em SP.

Últimas Notícias

O Dia dos Namorados e a Economia

O Dia dos Namorados, comemorado nacionalmente em 12 de junho, é uma das datas que mais movimentam a economia no Brasil. Seja pela venda de presentes, flores, chocolates, restaurantes, serviços como cinema, motéis e shows, essa data aquece diversos setores. Para quem deseja trabalhar nas áreas beneficiadas por esse período comercial no estado de São Paulo, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) oferece oportunidades de emprego e cursos de qualificação gratuitos.

A Previsão de Crescimento

De acordo com um levantamento da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), o faturamento dos principais segmentos varejistas impactados pelo Dia dos Namorados deve crescer 2,7% em relação ao ano anterior, com um possível montante de vendas em junho de até R$ 63,1 bilhões. Os setores apontados pela projeção incluem farmácias e perfumarias, eletrodomésticos, eletrônicos e lojas de departamento, lojas de móveis e decoração, lojas de vestuário, tecidos e calçados, e supermercados.

Enviar pelo WhatsApp compartilhe no WhatsApp

Oportunidades de Emprego e Cursos de Qualificação

No estado de São Paulo, os Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs), gerenciados pela SDE, possuem mais de 21,2 mil vagas disponíveis, sendo cerca de 8,8 mil vagas destinadas aos setores destacados pela FecomercioSP. Além disso, a SDE oferece cursos de capacitação por meio do Qualifica SP, visando aprimorar as habilidades dos profissionais que atuam nesses segmentos do varejo. A lista completa dos cursos oferecidos pode ser conferida no site oficial do Qualifica SP.

Sobre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico

A SDE, como parte do Governo do Estado de São Paulo, desempenha um papel essencial na reindustrialização, atração de investimentos e no fomento de empregos, renda e desenvolvimento regional. Além disso, a Secretaria promove programas de capacitação profissional, apoia o empreendedorismo e disponibiliza linhas de microcrédito através do Banco do Povo. Suas instituições vinculadas incluem a InvestSP, a Desenvolve SP e a Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp).