Aquático-SP: São Paulo Inova com Transporte Hidroviário Urbano

Notícias

O sistema de transporte coletivo urbano hidroviário, conhecido como Aquático-SP, começou suas operações experimentais na Represa Billings, na zona Sul de São Paulo.

O funcionamento inicial será das 10h às 16h, sem cobrança de tarifa e com uma capacidade reduzida de passageiros.

A partir de 20 de maio de 2024, o horário de operação será estendido até as 17h.

A operação assistida ocorrerá todos os dias da semana.

A Prefeitura de São Paulo, através da SPTrans (São Paulo Transporte), será responsável pela operação, visto que a empresa de ônibus Transwolff, que seria a concessionária do Aquático, está sendo investigada pelo Ministério Público.

O Aquático-SP ligará, em um trajeto de 5,6 km, os parques Cantinho do Céu e Mar Paulista na represa Billings, no extremo sul da cidade.

A expectativa é reduzir o tempo de viagem de 1h17 (de carro ou ônibus) para 30 minutos nas embarcações, considerando o tempo de embarque e o trajeto.

 

 

Viagens Gratuitas Dezembro de 2024

A operação assistida funcionará das 10h às 16h, com viagens gratuitas até 31 de dezembro de 2024, utilizando dois barcos.

O veículo Bororé I operará nesta fase apenas com passageiros sentados, com capacidade para 60 pessoas.

Também estará em operação um barco de apoio, capaz de transportar até 30 passageiros, completando o percurso em 12 minutos.

Inicialmente, teremos um barco com capacidade para 60 pessoas e outro para 30, e depois planejamos aumentar tanto os horários quanto a quantidade de embarcações.

Isso é feito com cautela para evitar erros e basear as ações em estudos e levantamentos. Apesar de termos todos os estudos, a prática com os passageiros pode apresentar diferenças, afirmou o Prefeito.

Além de proporcionar maior agilidade e rapidez nos deslocamentos, o Aquático-SP terá integração completa com o transporte por ônibus, utilizando o Bilhete Único, e a inauguração de duas novas linhas, melhorando a mobilidade na região.

 

Estrutura

O Bororé I é acessível, com espaço para cadeirantes, área para bicicletas, ar-condicionado, tomadas USB, televisão, conexão de internet e sanitário, inclusive acessível para pessoas com mobilidade reduzida.

Os terminais do Aquático-SP serão operados pela concessionária SPS VivaCidade, que já administra outros dez terminais urbanos na cidade.

Cada terminal contará com um bicicletário com 50 vagas, promovendo ainda mais a integração com outros modais de transporte.

Além disso, o Bororé I possui espaço para bicicletas a bordo.

 

 

Como Será a Operação Assistida

O percurso das embarcações na Represa Billings terá aproximadamente 5,6 km, com um tempo de viagem estimado em 30 minutos, incluindo o embarque e o trajeto.

Atualmente, o trajeto de 17,5 km entre Cantinho do Céu e o bairro de Pedreira, feito por ruas e avenidas, leva cerca de 1h20 para ser percorrido, normalmente requerendo o uso de duas linhas de ônibus.

A tarifa será mantida em R$ 4,40, e os barcos serão integrados às linhas de ônibus, permitindo o pagamento com Bilhete Único.

A integração com os ônibus dos bairros será viabilizada por dois terminais em construção: o Terminal Hidroviário Parque Mar Paulista e o Terminal Hidroviário Parque Linear Cantinho do Céu.

A operação contará com duas embarcações, cada uma com capacidade para 60 passageiros, além de dois espaços para cadeiras de rodas.

Os barcos serão equipados com sanitários, ar-condicionado, TV, wi-fi e entradas USB para carregamento de celulares. Todos os assentos terão coletes salva-vidas.

 

Enviar pelo WhatsApp compartilhe no WhatsApp

Terminais

🛥️ Terminal Hidroviário Parque Mar Paulista

Situado na Rua Mar Paulista, em Pedreira, o Terminal Hidroviário Parque Mar Paulista está em construção e contará com uma área de espera, ar-condicionado, acessibilidade, bicicletários, uma plataforma flutuante de embarque e integração com o sistema municipal de transporte por ônibus.

A Rua Mar Paulista está sendo recapeada e receberá novas calçadas, guias e sarjetas para melhorar a circulação de pedestres na região.

A SPTrans está construindo uma parada de ônibus específica para receber os coletivos da nova linha Terminal Pedreira – Terminal Santo Amaro durante a operação assistida.

Essa nova linha terá intervalos de partida a cada 15 minutos e seu principal objetivo é conectar o atracadouro ao Terminal Santo Amaro, um importante polo da região.

A parada está localizada ao lado do acesso ao Terminal Hidroviário Parque Mar Paulista e já foi pavimentada. Atualmente, estão sendo instalados abrigos para passageiros e implantado o piso tátil.

🛥️ Terminal Hidroviário Parque Linear Cantinho do Céu

Localizado no bairro do Cocaia, na região do Grajaú, o Terminal Hidroviário Parque Linear Cantinho do Céu possui a mesma infraestrutura do parque onde está situado. Ele está equipado para receber os passageiros do Aquático-SP com ar-condicionado, acessibilidade, área de espera, integração com o sistema municipal de transporte e bicicletário.

Com o início da operação assistida, será implantada uma linha circular no Cantinho do Céu, conectando diretamente ao atracadouro, com partidas a cada 12 minutos.

Avanços

A Prefeitura de São Paulo continua avançando na implantação do primeiro sistema de transporte coletivo por embarcações na cidade, o “Aquático“, localizado na represa Billings.

Após uma série de ações integradas, que vão desde a desapropriação de áreas até a criação de corredores de ônibus e, mais recentemente, a homologação da licitação da empresa responsável pelos estudos, laudos, projetos funcional e básico, além de estudos e licenciamento ambiental do sistema de Transporte Hidroviário, a SPTrans publicou nesta sexta-feira, 06 de janeiro de 2023, os procedimentos para a contratação da execução de levantamentos batimétricos multifeixe em áreas da represa Billings.

A licitação será realizada de forma eletrônica, pelo modo de disputa fechado, do tipo menor preço.

O prazo para recebimento das propostas, data em que serão abertos os envelopes, está marcado para 31 de janeiro de 2023 às 10h.

Os levantamentos batimétricos são feitos para medir as profundidades associadas a uma posição específica da embarcação na superfície da água.

Essas medições são essenciais para visualizar a topografia submersa.

De acordo com a Marinha brasileira, o ecobatímetro multifeixe obtém as profundidades sobre uma faixa larga, não apenas ao longo de uma linha de sondagem como no método tradicional. Isso permite obter uma grande quantidade de dados sobre a profundidade, cobrindo o leito e garantindo que todos os perigos sejam identificados e delimitados.

O “Aquático“, com cerca de 3 km de extensão, será integrado aos demais sistemas de transporte.

Para isso, contará com atracadouros e terminais de ônibus que permitirão a transferência dos usuários entre os diferentes modais. Em outras palavras, ele se integrará aos corredores de ônibus, garantindo a multimodalidade e o uso do Bilhete Único em todo o sistema.

Desde o início de 2022, a prefeitura tem promovido uma série de medidas integradas que possibilitam a implantação do sistema Aquático.

Em uma das mais recentes, publicada no Diário Oficial de 17 de novembro de 2022, o prefeito decretou a utilidade pública, para fins de desapropriação, de imóveis particulares destinados à continuidade dos preparativos para a implementação do projeto de transporte na Billings.

Informações Úteis:

Contato

Telefone: 156

Telefone: 0800 011 0156 (grande São Paulo)

Online

Site: www.sptrans.com.br